Stop COVID-19

Enquanto mães, pais, filhos e responsáveis de serviços bancários, a pandemia do COVID-19 afectou completamente as nossas vidas.

Ao longo das últimas semanas fomo-nos preparando tendo activado o plano de continuidade do negócio assim como ajustamos o plano de contingência para a prevenção, contenção e combate à doença COVID-19. Pensamos que estamos melhor preparados para, em segurança, continuar a prestar os serviços mínimos bancários aos nossos clientes e às comunidades que servimos.

Como é de conhecimento geral, foi declarado o Estado de Emergência em Angola, e, com ele, são-nos impostos cuidados adicionais para permitir que continuemos a prestar os serviços lá onde estamos localizados.

No entanto, também queremos ter a certeza que regressamos a casa em segurança para podermos cuidar das nossas famílias. Por isso, apelamos a todos os que têm de visitar as nossas agências e pontos de atendimento, que cumpram rigorosamente com as orientações e recomendações das autoridades de saúde pública mantendo o distanciamento social e evitem estar tão próximos uns dos outros nas filas. Por favor, oiçam os nossos seguranças e cumpram com as suas recomendações.

No entanto, queremos encarecidamente pedir-vos que fiquem em casa. Nos dias de hoje já não é necessário ir ao banco para efectuar as operações bancárias. A nossa melhor experiência bancária é o canal BAI Directo (https://ib.bancobai.ao).

O BAI disponibiliza várias opções para estar em contacto a todo momento. Se necessitar de assistência imediata sugerimos que entre em contacto com o nosso serviço de apoio ao cliente ligando para 924100100.

A gerência do seu balcão, o seu gestor de conta e os nossos assistentes comerciais estão disponíveis para o servir e utilizam as aplicações de comunicação Microsoft Kaizala ou Microsoft Teams. É mais seguro para todos!

Conhecemos a resiliência e vontade de vencer das nossas comunidades e estamos plenamente convictos de que será possível trabalharmos, primeiro para ultrapassar a crise sanitária e, mais tarde, para ajudar na recuperação económica do nosso país.

Cuidem das vossas famílias e amigos e estamos seguros que voltaremos a dar um kandando apertado!